A VITAMINA C É NOSSA MAIOR ARMA CONTRA GRIPES E RESFRIADOS

No inverno ficamos mais suscetíveis a gripes e resfriados. Importante, portanto, turbinar o organismo com uma dose extra de vitamina C. Esta vitamina é a nossa melhor arma contra as doenças oportunistas de inverno. A prevenção se dá via fortalecimento do nosso organismo através da alimentação, aliada a prática de exercícios físicos. A ingestão de água e sucos de frutas também precisam estar nesse cardápio, que tornará nosso corpo muito mais resistente.

No caso da vitamina C, importante lembrar que nosso organismo não faz um estoque dela. Desta forma, para estarmos assegurados da nossa demanda cotidiana, é preciso também fazer uma reposição diária.

Se formos negligentes, deixaremos portanto de fornecer ao nosso organismo a munição essencial que ele precisa para enfrentar os vírus invasores. Ou seja, a vitamina C é o mais importante componente na fortificação do sistema imunológico. É também um poderoso antioxidante que atua contra o envelhecimento celular. Ainda combate os radicais livres e ajuda a reduzir os efeitos colaterais provocados por poluentes presentes no ar.

IMPRESCINDÍVEL PREVENÇÃO COM VITAMINA C

Combatendo gripes e resfriados com vitamina C

O consumo de frutas garante a vitamina C

 

MALHAR NO INVERNO TEM COMPENSAÇÕES

A vitamina C também atua na síntese de neurotransmissores e sais biliares. Isso auxilia na absorção do ferro pelo organismo, age no funcionamento de hormônios do córtex adrenal e é responsável pela rigidez do colágeno.  A vantagem é a  prevenção de inflamações de tendões, ligamentos e juntas.

DOSAGENS 

A recomendação é um consumo diário é de 75mg para mulheres de 15 a 70 anos e 90mg para homens na mesma faixa etária. Porém,  nossa sorte é que ela está presente em uma abundância de alimentos deliciosos. Onde encontrá-la? Em frutas, legumes, verduras, em especial as ofertadas pela natureza nesta época do ano. Não por acaso, a laranja é a primeira a ser lembrada quando o assunto é vitamina C. Com razão: uma unidade de laranja tem 90mg do nutriente. Esta é  a quantidade diária mínima que nosso organismo pede.

Nutricionistas aconselham, contudo,  a não guardar a fruta por muito tempo antes do consumo. A razão, pois, é que se perde vitamina C desde o momento em que é colhida, devido à sensibilidade ao calor e a oxidação. O limão como tempero de sucos ou saladas, tem a proeza de ajudar o organismo a absorver ferro – muito presente em verduras de coloração escura. A manga é outra fonte rica de vitamina C, ao lado do abacaxi, lichia, morangos, goiabas, acerola, melão, kiwi.

CRIATIVIDADE

Uma alternativa, portanto, é fazer um suco de frutas, adicionar algumas gotas de limão e consumir rápido. Se o plano for montar um exército de ação imediata, experimente montar uma receita eficaz. Use uma xícara de rúcula picada (123 gramas de vitamina C), adicione aspargos, um tomate, brócolis e consuma em uma refeição com um copo de suco de acerola. Você terá se garantido com mais de 700mg de Vitamina C. Assim, quando nosso organismo se deparar com um batalhão de vírus por aí, poderá se dar ao luxo de simplesmente ignorá-los.

No seu passeio pelo Via Café, não deixe de visitar nossa Praça de Alimentação. E confira então as nossas melhores opções de  lanches, refeições e sucos naturais, cheios de sabor e vitaminas!

Nenhum Comentário

Deixe um comentário